O coronavírus está em circulação e continua a adoecer e matar os vulneráveis’, alerta imunologista

Rodrigo Hilario
Rodrigo Hilario

À frente de estudos e testagem da Covid-19 desde os primeiros momentos da pandemia, o imunologista Orlando Ferreira, um dos coordenadores do Laboratório de Virologia Molecular da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), afirma que ainda há muito o que aprender sobre o coronavírus Sars-CoV-2. Porém, existem evidências de que, caso o vírus não se modifique demais, três doses da vacina serão suficientes para a maior parte da população. Mais importante do que tomar a bivalente, diz ele, é garantir ter, ao menos, três doses aplicadas.

Leia mais AQUI