Reconhecimento e vitória do amor: união homoafetiva aumentam em 10 anos

Rodrigo Hilario
Rodrigo Hilario

Desde 2013, primeiro ano de vigência da autorização nacional para que os cartórios de registro civil realizassem matrimônios entre pessoas do mesmo sexo, o número cresceu quase sete vezes

Os números são da Central de Informações do Registro Civil (CRC Nacional), que colhe dados de nascimentos, casamentos e óbitos administrados pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil). A entidade reúne os 7.757 cartórios de registro civil do país. Eles são contabilizados a partir da publicação da Resolução nº 175 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que padronizou a atuação das unidades registrais no país. Os casais femininos são a maioria, representando 52,1% do total, enquanto os masculinos aparecem com 47,9%.

Saiba mais AQUI