MPF pede exclusão de vídeos homofóbicos do pastor André Valadão

Rodrigo Hilario
Rodrigo Hilario

O Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça Federal de Minas Gerais que seja determinada a retirada das redes sociais de vídeos com as declarações homofóbicas do pastor André Valadão. Durante um culto nos Estados Unidos, ele incitou que cristãos matem integrantes da comunidade LGBTQIA+. Além da remoção das imagens do YouTube e Instagram, o órgão solicitou a aplicação de multa de R$ 5 milhões a título de danos morais coletivos.

Leia mais AQUI