Em até 10 anos, médicos criarão tratamentos personalizados com dados biológicos, diz especialista em medicina de precisão

Rodrigo Hilario
Rodrigo Hilario

Segundo o belga Daniel De Backer, esta forma de atendimento já é uma realidade contra o câncer e doenças autoimunes, e está se consolidando para atingir outras áreas

Há alguns anos, a medicina evolui para um cuidado cada vez mais individualizado do paciente. O grande carro-chefe dessa transformação é a medicina de precisão, que analisa características individuais e biomarcadores para oferecer um tratamento mais assertivo aos pacientes.

Leia mais aqui