A cada semana, 9 homens têm o pênis amputado por razão que poderia ser evitada; entenda

Rodrigo Hilario
Rodrigo Hilario

Em média, 486 perderam o órgão genital entre 2007 e 2022 por causa do câncer de pênis, que pode ser prevenido com lavagem adequada. Embora rara, a doença matou 463 homens em 2020.

A cada semana, nove homens têm o pênis amputado no Brasil em decorrência de câncer, que poderia ser evitado de forma muito simples: água, sabão e lavagem adequada.  Os dados, obtidos pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) junto ao Sistema de Informações Hospitalares do SUS (SIH/SUS), do Ministério da Saúde, apontam que:

O Brasil é um dos campeões mundiais na incidência de câncer de pênis, que é facilmente evitável com higiene íntima e tratamento da fimose”, afirma Ubirajara Barroso Jr., urologista especialista em reconstrução genital e chefe de cirurgia reconstrutiva de uretra do hospital da Universidade Federal da Bahia.

Leia mais aqui